Arquivo

Posts Tagged ‘Toyota’

Piloto da McLaren diz que armação na Austrália o tornou um homem melhor

O piloto inglês Lewis Hamilton retorna neste final de semana ao palco de um escândalo protagonizado por ele e pela McLaren, sua equipe.

No último GP da Austrália, o inglês conquistou um lugar no pódio após dizer aos comissários que o italiano Jarno Trulli, à época piloto da Toyota, havia ultrapassado o campeão mundial durante o período de safety car, o que é proibido.

A afirmação, no entanto, foi desmentida depois, quando descobriram que lhe foi pedido para deixar Trulli ultrapassá-lo. Em decorrência desta mentira, Hamilton e sua equipe foram severamente punidos, o que o deixou com o pensamento de até abandonar a F-1.

Sempre tive boas experiências aqui e não vejo a do último ano como um episódio ruim. Vejo isto como uma pedra na minha vida que superei e que me deu algum aprendizado, disse o companheiro de Jenson Button.

O ano de 2009 foi muito difícil. Aprendi muito sobre construir um time e levantar uma equipe. Eles fazem muito, mas no final do dia sou eu quem precisa mostrar resultados para eles, completou.

Apesar de comentar o assunto, Hamilton diz que prefere esquecer este episódio e manter o foco na reabilitação da McLaren, quem sabe até conquistando a primeira vitória do time na temporada.

Quando você está em um carro de corrida a 200km/h, você precisa pensar longe, para frente. E penso na minha vida dia a dia. Tudo passa muito rapidamente e você precisa estar preparado para o que vem, não para o que aconteceu no passado.

[Fonte: tazio.uol.com.br] - Autor: Da Redação  - Foto: Google
Anúncios

Acordo entre Stefan e Toyota chega ao fim, diz site

Fonte: Google

Equipe seria obrigada a construir os próprios chassis para 2011; não há “plano B”

O futuro da Stefan GP parece cada vez mais ameaçado. A equipe sérvia, que montou estrutura sólida após fechar parceria com a Toyota e preparar todos os equipamentos para as três primeiras provas da temporada, visando ocupar a vaga deixada pela desertora USF1, não só teve sua entrada negada pela FIA como também está prestes a perder o acordo com a montadora japonesa.

De acordo com o site TomorrownewsF1.com, o contrato expirou há 15 dias, e o pequeno escritório de Zoran Stefanovich na cidade de Colônia, na Alemanha onde fica a sede da fábrica da equipe japonesa, foi fechado.

A Toyota, que havia negociado toda sua estrutura e os modelos TF110 que seriam guiados por Jacques Villeneuve e Kazuki Nakajima com a Stefan GP, decidiu que o acordo não é mais viável, principalmente após a falha da escuderia em ficar com uma das 12 vagas do grid da F-1 para 2010. Além disso, Stefanovich teria depositado apenas 50% do valor combinado na negociação cerca de € 5 milhões.

Com o chassi da fábrica japonesa defasado para 2011, o empresário seria obrigado a construir seus próprios chassis, caso tenha a intenção de ingressar na categoria no próximo ano. No entanto, ainda não há um plano B para a escuderia. Nem mesmo o apoio financeiro do governo sérvio ainda chegou às mãos do time.

O processo de seleção para as novas equipes que ingressarão na F-1 na próxima temporada já está aberto, e deve aceitar inscrições até o próximo dia 15 de abril.

[Fonte: tazio.uol.com.br] - Autor: Da Redação  - Foto: Google

Ferrari desenvolve versão B da F10

De acordo com a revista italiana Autosprint, a Ferrari trabalha na versão B da F-10. A publicação afirma que o time italiano contratou Giuseppe Azzolloni – especialista em Dinâmica de Fluido Computacional (CDF), para realizar o desenvolvimento de um novo difusor duplo.

Acredita-se que o conceito de Azzolloni para o difusor siga o design do TF100, carro da Toyota que seria utilizado neste ano. Para a etapa da Austrália, a escuderia deve realizar novas mudanças, já que os motores de Fernando Alonso e Felipe Massa foram trocados antes do GP do Bahrein.

A temperatura do motor é resultado da aerodinâmica do carro, por isso temos que trabalhar para ter certeza de que não teremos mais esses problemas para as próximas corridas, disse Stefano Domenicali, chefe da equipe.

[Fonte: amigosdavelocidade.uol.com.br] - Autor: Da Redação - Foto: Google

Virgin était le choix le plus sûr pour Glock

Timo Glock a déclaré qu’il a décidé de rejoindre la nouvelle équipe Virgin Racing, au lieu d’une écurie comme Renault ou BMW Sauber, car c’était l’option la plus sûre pour lui cette année.

Avec le départ de Toyota de la Formule 1, un certain nombre de personnes dans le paddock s’attendaient à ce que l’Allemand rejoigne Renault cette année pour épauler Robert Kubica. Cependant, le journal allemand Frankfurter Rundschau révèle à présent que Sauber était également une option.

En termes purement sportifs, elles auraient été de très bonnes options. Mais avec Sauber, ils faisaient face à une très longue attente pour qu’il soit clair qu’ils puissent être là [en Formule 1],” a indiqué Timo Glock.

Renault était au sommet de ma liste, mais ensuite est arrivé leur situation [de rachat]. Je me suis dit que si ça ne marchait pas pour eux, je me retrouverai au final avec rien. Et je suis juste un homme qui aime quelque chose de nouveau et d’excitant.”

[Source: Toile-F1] Par Gregory Demoen - Photo: Google

Diretor da McLaren pede ajuda às novas

Jonathan Neale crê que sucesso será bom para a Fórmula 1

O assunto que mais tem tomado conta dos noticiários enquanto a Fórmula 1 não começa é sobre as equipes novas. Muitos criticaram a presença delas, mas Jonathan Neale, dirigente da McLaren, pediu ajuda para elas.

Temos que apoiar as novas equipes para que se tornem estáveis. Respeito muito aquilo que os pilotos dizem e um ou dois levantaram preocupações em relação a isso (a demora para elas se formarem), mas isso é assunto para a FIA resolver – disse Neale.

Ele ainda comentou que a velocidade neste processo será bom até para as próprias equipes grandes, já que ter carros muito mais lentos, pode tirar um pouco das recentes decepões na Fórmula 1.

Devemos tentar estabilizar o maior número de equipes novas o mais rápido possível, precisamos disse para compensar o desapontamento das desistência da Honda, Toyota e BMW. Gostaria de pensar, que enquanto grupo, seríamos capazes de fazer isso – comentou, lembrando o importante papel que a Associação das Equipes de Fórmula 1 (Fota) tem.

[Fonte: lancenet.com.br] - Autor: LancePress - Foto: McLaren

Kobayashi feliz por estrear no Bahrein

Piloto já venceu no circuito em outras categorias

Em meio a disputa pelo título no GP do Brasil do ano passado entre Jenson Button, Rubens Barrichello e Sebastian Vettel, um outro piloto chamou a atenção: Kamui Kobayashi. O japonês substituiu Timo Glock nas duas últimas corridas do ano e encantou a todos, com direito a uma bela passagem sobre o inglês, que simplesmente foi o campeão da Fórmula 1 em 2009.

Com a saída da Toyota, o japonês ficou sem casa, e quase foi parar no restaurante do seu pai, para trabalhar como sushi man. Mas apareceu a chance na Sauber, e o piloto vai aproveitar sua intimidade com a pista do Bahrein para conseguir um bom resultado na primeira etapa da Fórmula 1 deste ano.

Eu venci duas etapas do GP2 Asia no Bahrein, em 2008 e 2009, e eu testei para a Fórmula 1 lá em 2009. Eu gosto do fato de a temporada começar em um circuito que eu conheço bem. A pista é bem legal, eu gosto de cada curva, e agora podemos tirar mais delas, eu gosto do estilo dela – disse um confiante piloto.

O piloto japonês fez a sua primeira pré-temporada da carreira no último mês de fevereiro, nos treinos coletivos que aconteceram na Espanha. Ele acredita que a atividade foi fundamental.

Durante os treinos eu aprendi muito e estou treinando duro. Definitivamente eu me sinto pronto para começar a temporada e também espero um bom tempo no Bahrein – concluiu.

[Fonte: lancenet.com.br] - Autor: LancePress - Foto: Google

Kobayashi connaît très bien Bahreïn

Il y a déjà gagné deux fois !

Kamui Kobayashi se prépare à disputer sa première course avec Sauber. Il apprécie beaucoup le circuit de Sakhir, qui accueille la première manche de la saison.

En 2009, Kamui Kobayashi a fait forte impression lors de ses deux courses chez Toyota, sur deux circuits qu’il découvrait totalement, Interlagos et Yas Marina. Dans une semaine, le Japonais disputera sa troisième course en F1, chez Sauber maintenant, et surtout sur une piste qu’il connaît très bien.

« J’ai gagné des courses en GP2 Asia à Bahreïn en 2008 et 2009 et j’ai fait des essais là bas en Formule 1 en 2009 » rappelle Kobayashi. « J’aime le fait que la saison débute sur un circuit que je connais si bien. »

Il apprécie ce circuit et il pense que sa Sauber pourra y être à l’aise : « La piste est agréable, j’apprécie tous les virages et maintenant il y en a quelques uns en plus. Il y a beaucoup de virages lents et j’aime ce style, et je pense que cela conviendra à notre voiture. »

« Pendant les essais, j’ai beaucoup appris et je m’entraîne énormément. Je me sens vraiment prêt pour le début de la saison. »

[Source: F1-action] Écrit par Vincent Lalanne-Sicaud - Video: YouTube