Início > Uncategorized > Button elogia Ferrari e destaca adaptação à McLaren

Button elogia Ferrari e destaca adaptação à McLaren

Jenson Button sendo entrevistado após treino em Valência – 03Fev2010

“Eles estão rápidos, mas não podemos dizer o quanto”, afirma o campeão de 09

Em seu primeiro teste com a McLaren, Jenson Button completou 82 voltas e registrou apenas o quinto tempo entre os sete carros que foram à pista.

O atual campeão mundial ficou com a décima volta mais rápida no total de tempos agregados ao longo dos três dias de testes em Valência, mas destacou que ainda é muito cedo para dizer quem é mais rápido no momento.

Acho que você pode dizer que a Ferrari está rápida, mas não sabemos o quão rápido, disse. Eles não podem fazer estes tempos se não estiverem competitivos, mas você nunca sabe o combustível que eles estão usando quando marcam estes tempos.

Seus giros mais lentos, nos quais eu supunha que eles estavam com uma quantidade elevada de gasolina, ainda assim estavam razoavelmente rápidos. Sendo assim, acho que eles estão mesmo rápidos.

Mas este é o lugar errado para pensarmos sobre quem é rápido e quem não é. Descobri que todos terão atualizações para a primeira corrida. E de qualquer maneira, com a diferença de cargas de combustível, você pode estar com 10kg ou 160kg, há uma enorme diferença. Isso é difícil de julgar.

Acho que no próximo teste, poderemos ter um pouco mais de entendimento. Poderemos julgar quem é rápido e quem não é. Mas no momento, é importante melhorar o carro e trabalhar nisso.

Trabalhamos muito, hoje. Foi um dia muito útil. Seria bom ter feito mais alguns testes, mas o dia de hoje foi bom para me acostumar com o ambiente dentro do cockpit, trabalhar com a equipe e conhecer todos os controles que você sempre conhece no primeiro teste.

Este não é o melhor circuito para se ter a sensação de como o carro será no início da temporada, porque é muito diferente de qualquer outro circuito do calendário. O equilíbrio é muito diferente.

Mas foi um dia muito agitado para me adaptar ao cockpit. Este é praticamente o mesmo banco que eu utilizava na Brawn. Tudo funcionou da mesma maneira dentro do carro. Já temos uma boa base para trabalhar, completou.

[Fonte: tazio.uol.com.br] - Foto: Bruno Ferreira/Tazio
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: